O que esperar de Estocolmo.

A Suécia é um dos países que constitui a região da Escandinávia ( Suécia, Dinamarca, Noruega, Finlândia e Islândia ). O que eles mais têm em comum? Friooooo!

Veneza do Norte é o apelido da Suécia na Europa, isso porque, ela é situada sobre 14 ilhas ao longo do lago Mälaren, e o principal meio de transporte, claro, são os barcos. Estocolmo está entre elas.

O país tem um parlamento e um monarca, o Rei Carlos XVI Gustavo. A esposa dele, a Rainha Silvia, que é alemã, é filha de uma brasileira. Sendo assim, nem só de gelo se faz a Suécia… não é atoa que eles são muito festeiros e animados!

Uma breve pincelada sobre Estocolmo:

Hoje, Estocolmo é a sede do governo da Suécia e residencia oficial da monarquia. O governo é representado por uma coroa bem bonitinha que você verá em vários lugares da cidade.

Acho que nem precisamos falar do PIB de Estocolmo uma vez que você já está fazendo as pesquisas de quanto lhe custará essa viagem… deixemos essa parte de lado. Estocolmo é o centro administrativo e financeiro da Suécia há alguns séculos. É uma das cidades com melhor qualidade de vida do mundo.

Uma curiosidade é de onde surge o nome Stockholm, Estocolmo. Parece coisa de brasileiro que junta o nome do pai e da mãe e sai o nome do filho, rsrsrs! Stock, significa fortificação em um alemão bem antigo e  Holm, ilha, por causa da ilha de Helgeandsholmen no centro de Estocolmo onde a primeira parte da cidade aparece.

A princípio, parece que Estocolmo tem inicio com a exploração de minas de ferro em 1252, e logo em seguida, se dá a sua fundação por Birger Jarl para  fortalecer e defender as minas de possíveis invasões vindas do mar. Então, por estratégia, é fundada a Gamla Stan, que é a cidade velha, bem próxima a ilha Helgeandsholmen. A cidade fica tão bem estabelecida que torna-se um importante ponto econômico para os países bálticos, fechando algumas alianças de comércio e proteção.

You might also enjoy: