O que visitar em Luxemburgo

A primeira coisa que você deve saber é que tanto o país quanto a capital têm o mesmo nome. O que os diferenciam é que aquela bolinha pequena e branca no mapa, onde está escrito Luxembourg, tem o acréscimo da palavrinha “Ville”, logo, os lugares que indicarei em sua maioria, estarão em Luxembourg Ville. Mas não se estresse caso você saia da parte “Ville”, a única coisa que isso significará é que você está a 20 min do centro.

Em Luxembourg há muita coisa para visitar e eu diria que seria mais interessante se começar todo o passeio pelo Casemates, onde a vista lhe dará uma noção geral de algumas partes da cidade, mas sejamos páticos no seguinte:

Quando você sair do aeroporto, caso esteja hospedado em Luxembourg Ville, inevitavelmente você passará por um bairro chamado Kierchberg, se você estiver de taxi e este fale uma língua que lhe deixe confortável, vale a pena pedir para que ele dê uma passeada com você por esse bairro. Também se não der, não se preocupe, há como voltar depois até de ônibus.

Mas voltando…

Saindo da auto estrada que liga o aeroporto à cidade e você passará por um obelisco de ferro gigante no meio da pista, será daí que começarão as atrações: do seu lado direto, terá o Utopolis: que é um centro de cinemas e restaurantes. Depois, ao descer bem a rua, você começará a ver vários bancos de investimentos conhecidos e logo em seguida vários prédios em marrom e dourado, muitos! Se estiver de taxi, peça ao taxista para entrar nessa rua desses prédios, você verá toda área reservada a administração da União Européia da parte feita por Luxembourg. Essa não será uma área em que você vá fazer nada além de ver os prédios pelo lado de fora e as bandeiras, por isso só a passada de carro é o suficiente…

Voltando a rua principal, você verá um prédio branco com uma arquitetura muito diferenciada a sua esquerda: é a Filarmônica, seguida imediatamente do Museu de Arte Moderna – MUDAM. Esse sim vale super a pena tirar um dia e voltar. Na Filarmônica você só entrará se comprar o ingresso de alguma apresentação; este pode ser adquirido via internet. Tendo tempo, será um super passeio. A arquitetura e acústica da Filarmônica  são incríveis e os espetáculos são de altíssima qualidade. Mesmo que o pagamento seja em euros, os espetáculos da Filarmônica de Lux, serão mais baratos do que qualquer coisa similar no Brasil. Portanto, aproveite a oportunidade!

 Bom, mas se Filarmônica não é a sua praia ou não há tempo para isso, tente passar no MUDAM. O Mudam é um museu que já vale só pela sua arquitetura e as exposições são sempre geniais. Ao fim do passeio, há um café muito charmoso e moderno lá dentro.

Ok! Você não vai entrar no MUDAM porque você não terá tempo? Mesmo assim, sugiro que vá até lá para conhecer a arquitetura exterior da Filarmônica e do Mudam,  e não deixe de ir atrás do museu onde há outro museu que não é tão badalado mas tem uma arquitetura medieval muito interessante e uma surpresa fantástica a sua frente: olhe para o gramado que faz a entrada do museu, passe do gramado sem medo, você terá a sensação de que vai entrar em uma caverna, e vai! Entre! Luxembourg não é perigoso mas de preferencia vá de dia, pode seguir o caminho todo até o final do túnel onde encontrará a grande surpresa: Luxembourg vista de cima, linda!

Saindo de Kierchberg, a grande maioria dos pontos serão bem próximos uns dos outros.

Os pontos principais são:

Casemates, Gare, Palácio da Justiça, Petrusse, Grund, Clause, Place de la Constituition, Place Guillhaume e d”Arms, Place Jan Palach, Place Clarefointaine, Palácio do Grand Duque, igreja de Notre Dame e de Sant John Batist, Museu da História da Vila de Luxemburgo, Museu de História Natural de Luxemburgo, Museu da arte de Luxemburgo, Chemin de la Corniche: caminho de rochas construído pelos espanhóis em 1870, Trois Tour: caminhada na rocha plana ao redor do vale com vista para a cidade, Mur de Wenceslas: um dos cinco pontos da fortaleza de Luxemburgo e mais que você certamente vai se deparar nesses caminhos…

Ao redor…

Fora da cidade de Luxemburgo existem alguns passeios bem interessantes, mas que precisam ser feitos de carro. Fazê-los de ônibus até daria, mas como eles são intermunicipais, complica um pouco e perde-se bastante tempo porque são ônibus que passam com um intervalo de tempo maior. Não aconselho.

Volta lá em cima no nosso mapa. Você está vendo Remich, do lado alemão? Remich é uma cidadezinha com um rio no meio onde acontecem passeios interessantes de barco. Na verdade o barco vai e vem, rsrsrs. O barato do passeio é que se você se sentar de um lado do barco estará navegando em águas luxemburguesas, se for se sentar do outro, em águas alemãs. Existem bastante passeios temáticos com jatares a noite, mas não é permitido crianças. Então, se você estiver em um dia de calor e quiser um passeio diferente, será no mínimo inusitado! Ao redor, há vários bares e restaurantes, há um parquinho super fofo e divertidinho (pago) para crianças bem pequenas e uma piscina pública, que você paga um valor por hora para usar…

Ainda do lado alemão mas mais um pouco para cima do mapa tem Grevenmacher. Dependendo da época do ano que você for a Luxemburgo, terá um borboletário aberto na cidade, na verdade é chamado de jardim das borboletas ( local fechado com temperatura adequada ás borboletas ) . É uma experiencia maravilhosa principalmente para crianças, as borboletas estão soltas voando ao seu redor e são inúmeras! No local também há um apiário fechado, codornas soltas, passarinhos, tartarugas… não é grande mas é lindo!  E para quem gosta de Cremant e vinhos, a cave da Bernard-Massard fica super pertinho e de lá ainda dá para continuar pela rota do vinho. Você pode agendar um tour pelo site e ter uma breve aula sobre vinhos e um momento degustação. É possível levar crianças apesar do passeio não ser exatamente para elas. Eles são muito simpáticos com as crianças e servem suco de uva.

Subindo! Dieckirch, será a cidade da cerveja luxemburguesa… não é um passeio imperdível, mas é bem interessante e a cidade é uma graça!

Up!!! Vianden, é a cidadezinha que tem o castelo mais conhecido de Luxemburgo. Vale a pena dar uma olhada no site antes de ir até lá. O castelo promove festas medievais bem divertidas, inclui a presença de crianças, mas as vezes a festa é tão grande e cheia que a via fica lotada para subir. Talvez um dia sem festa não seja tão legal mas é  mais prático para quem está turistando.

O lado Belga, eu confesso não ter explorado tão bem mas há próximo de Lux um centro espacial bem legal para quem está com crianças, chama-se Euro Space Center.

O lado Francês não tem exatamente uma fronteira tão interessante como a alemã mas tem cidadezinhas muito próximas e super boas de se visitar como Metz, Nancy… e para quem está com crianças, a cidade de Amneville tem uma pista indoor de sky e snowboard que funciona o ano inteiro e um zoo, mas que fica fechado no inverno.

Schengen, para mim é um ponto zero onde você tem o lado luxemburguês, o lado francês e o alemão. Tudo isso numa interseção bem diante dos seus olhos!  Do lado luxemburguês você terá um pequeno porto para barcos, o museu de Schengen, dois pontos com memoriais a assinatura do tratado, alguns pedaços do muro de Berlin, e toda uma cidadezinha muito bonitinha atrás do museu. Ah! E patos! Muitos!!! Soltos pelo caminho e as crianças enlouquecem jogando miolinhos de pães. Não esqueça de levar o seu pedacinho para o seu filho não chorar o passeio todo, rsrsrs!

Já do lado alemão, não tem nada! Não vi nada a não ser auto estrada.

Do lado francês, você pode seguir até uma cidadezinha chamada Sierk Les Bains, lá terá o castelo do Duque de Lorraine, é muito bacana e a vista impagável. Aliás, pagável sim! Custa 5 euros a entrada no Chateau e dura em média 45 min a 1 hora todo o percurso. Não há restaurante ou café lá, mas na entrada onde você compra os bilhetes terá um freezer com picolés, água, sucos e biscoitos ( sou carioca, nada de bolachas, rsrsrs!).

Na volta para Schengen, você verá várias outras entradinhas que darão em outros chateaus, castelos, mas são menores e alguns não ficam abertos, são mal conservados… enfim… vai de você.

  Schengen Chateau em Sierk Les Bains

You might also enjoy: