O palácio do Grão Duque

O palácio do Grão Duque é um lindo palácio, com uma arquitetura enxuta, mesmo sendo uma inspiração barroco-renascentista.

Ele tem um castelo, onde reside com a família no interior de Lux. O palácio é sua residência quando está pela cidade mas é mais usado para comemorações e encontros políticos.

O mais bacana de se ver no palácio, depois de ter a sorte de entrar, é movimentação da guarda. As crianças se divertem imitando a marcha dos soldados, e estes são muito pacientes e concentrados porque as vezes há um grupo bem grande de crianças os imitando e eles não caem na gargalhada e não perdem o paço. É possível se nota que eles não ficam chateados com aquela brincadeira toda da criançada.

Eu não encontrei essa informação documentada, mas me foi dito, que para servir a guarda do palácio é necessário ser luxemburguês.  Dizem que Luxemburgo é um país com tantos estrangeiros que o difícil é se encontrar um autêntico luxemburguês. Sendo assim, sorte a nossa!

A visita ao palácio só acontece nos mês de julho e cada ano com uma data diferente. É sorte, mas é um passeio interessante se der certo para o seu roteiro. A compra do ticket deve ser feita no City Tourist Office, no número 30 Place Guillaume II, é uma praça bem perto do palácio. Aproveite e pegue o seu mapa da cidade. O ticket terá dia e hora porque é uma visita guiada em inglês, francês, alemão ou luxemburguês. A entrada do tour pelo palácio é feita pela portaria dos fundos do mesmo. Posicione-se de frente para o portão principal, e contorne a rua pela sua direita até encontrar o próximo portão. Nessa contorno, observe que haverá um reduto de bons bares e restaurantes. É um reduto mesmo, todo emaranhado… rsrsrs!

Em frente ao palácio, têm quatro postes de luzes bem diferentes. Eles têm uns rostos em dourados desenhados e quando a luz se acende, os olhos lhe seguem pela rua. Eu acho que isso é parte do bom humor luxemburguês: ok, os estrangeiros são muitos mas nós estamos de olho…

Logo em frente aos postes e ao palácio, tem a Chocolate House, um cantinho super gostoso para tomar café com bolo. O serviço é meio complicado para o nosso jeito brasileiro, mas com paciência e tempo ele funciona. Tempo, nem pense em se sentar lá sem tempo porque é missão impossível. As tortas são divinas, o chocolate incrível, mas o atendimento é bem lento. A conta deve ser paga no fim, com os papéis que a pessoa deixará para você na sua mesa, só descer e pagar.

You might also enjoy: